quinta-feira, 5 de setembro de 2013

MENOPAUSA E DEPOIS?

MENOPAUSA BEM DISPOSTA...

Queridas Tias,

Todas nós passaremos ou estamos a passar pela menopausa. Temos de ver na menopausa uma mudança positiva!

Quer a mesma resulte naturalmente ou por processo cirúrgico, sabemos que será sempre uma experiência diferente e única. Há que considerá-la um acontecimento natural da vida.

Quanto melhor nos sentirmos com nós próprias e com a nossa vida, maior será a facilidade com que encararemos a sua vinda.

Aproveitemos a menopausa para encarar hábitos saudáveis - como fazer exercício físico, deixar de fumar ou dormir o número suficiente de horas...Experimentar remédios complementares e alternativos que permitam ao nosso corpo procurar o seu equilíbrio neste novo estado hormonal não é vaidade - é uma questão de saúde física e mental. Ainda temos muitos anos produtivos pela frente.


Menopausa, uma mudança positiva (*)

AS HORMONAS E O NOSSO CORPO...

As hormonas são substâncias químicas produzidas pelas nossas glândulas e circulam no nosso organismo através do sangue.

Muitas delas afetam as nossas necessidades,os desejos e os sentimentos de cada pessoa. Os níveis hormonais flutuam ao longo da vida e influenciam os nossos estados de espírito e sensibilidades à medida que sobem e descem.

Afetam o nosso ritmo metabólico, desencadeiam o crescimento na puberdade, equilibram o açúcar no sangue, regulam a respiração, afetam o sistema nervosos, etc... Desempenham uma função muito diversa e complicada na nossa vida.

Há mulheres que passam a vida toda sem problemas hormonais e outras a quem a mínima interferência no sistema endócrino, provoca alterações químicas e problemas hormonais.

PODE SER DOS GENES?

Em muitos casos, a história clínica materna ou das mulheres da família traz muitas informações sobre os nossos próprios problemas.


conhecer a nossa história


De grande importãncia para as mulheres são as três hormonas produzidas pelos ovários: estrogénio, progesterona e testosterona.

Para que se perceba: o estrogénio é uma "classe" de hormonas que controlam o desenvolvimento sexual das mulheres (crescimento e funcionamento dos orgãos sexuais);

a progesterona mantém saudável o sistema reprodutor feminino - a sobrevivência do óvulo e do feto dependem dos níveis desta hormona. A produção de progesterona diminui à medida que vai cessando o nosso processo reprodutivo;

a testosterona para além de ser uma hormona masculina também é de grande importância para a mulher. É produzida nos ovários e ajuda a determinar as características sexuais secundárias (a nossa massa muscular e o crescimento piloso).

As mudanças:

PERIMENOPAUSA - período que decorre 2 anos antes e 2 anos depois de terminar a menstruação. Os sinais que anunciam a sua chegada são variados como a irregularidade dos períodos e os calores ou suores noturnos.

MENOPAUSA - é o último período menstrual. Determina-se a data do início da menopausa quando já não se tem o período há um ano.

A menopausa é uma fase de vulnerabilidade da mulher em que sentimos que temos de ser comprendidas.

Devemos começar por consultar um médico que nos aconselhará sobre os sintomas da menopausa; devemos juntar a família e contar como nos estamos a sentir, a nível físico e emocional para que percebam que é uma fase transitória; pedir ajuda nas responsabilidades domésticas; devemos guardar para nós 3-4 horas semanais para nós próprias (poder ter o luxo dum tratamento facial ou massagem, fazer natação, aulas de yoga, um almoço com amigos). Enfim, cuidar de NÓS!


Bibliografia: "Menopausa Natural" de Jan Clark - Editorial estampa

2 comentários:

  1. Sim. Para alem de fisico e um estado de alma...concordo!

    ResponderEliminar
  2. E precisamos de ter o astral sempre elevado!

    ResponderEliminar